quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

CRÔNICAS DO EMAGRECIMENTO #01

Num certo refeitório de uma firma qualquer, três colegas de equipe sentam-se para almoçar. Um outro rapaz de outra área, cujos colegas só conhecem de vista, pediu licença para se sentar no único acento disponível na mesa. Os colegas concederam a licença e o almoço começava a transcorrer tranquilamente.

Em dias comuns e corriqueiros, o menu existente na marmita alheia passa incólume pela refeição sem ser notado pelos colegas. Mas aquele não era um dia comum. Era 05 de Janeiro, primeiro dia útil do ano, e dia oficial de colocar em prática as resoluções de ano novo e as promessas assumidas no auge do inconsciente coletivo que toma conta de todas as pessoas que pecam em vários campos de suas vidas e, acham que simples promessas de ano novo mudarão os seus hábitos da noite para o dia. Era 05 de Janeiro, e quem se comprometeu a mudar de vida, começou mudando o recheio da marmita. Entre os três colegas, apenas uma delas estava alinhada de verdade com seus objetivos. Arrozinho integral, carninha magra com batatinhas, feijão e saladinha entravam boca adentro garfada após garfada. Até que sentou-se a sua frente, o desconhecido. Ela seguia concentrada em seu almoço, quando o desconhecido abriu sua marmita: frango desfiado com milho e batata doce cozida. Ela olhou o conteúdo da marmita alheia e pensou "poxa!", baixou os olhos e tornou a mastigar. E tornou a olhar novamente. E tornou a cuidar do seu próprio almoço.

Ela percebia que ele estava empurrando a comida goela abaixo muito forçadamente. Não se aguentou. Puxou assunto:

- Estava aqui "me achando" porque troquei meu arroz branco por arroz integral, então você chega e samba na cara da sociedade com essa marmita "fit"! {ela riu}.
- É... preciso perder os quilos que ganhei no natal. {ele não era gordo. nem de longe}
- Humm, a julgar pelo conteúdo da sua marmita, pensei que estava querendo era ganhar massa muscular...
- Ah não! Ainda não comecei a academia. Mas vou começar em breve!
- Legal! Eu também!

Ele conversaram rapidamente sobre os seus objetivos, paladares, dicas, até que o tempo do almoço terminou. Despediram-se. No dia seguinte, sentaram-se juntos novamente. Cada qual com sua marmita light. Seguiram a próxima hora com assunto amistoso e agradável . E aprenderam duas lições: 1) Nos primeiros dias do ano, todos se empenham para conquistar objetivos, mesmo que estes sejam abandonados mais tarde, e 2) Ter um projeto e um objetivo qualquer, é uma grande oportunidade para conhecer pessoas e fazer novos amigos.

8 comentários:

  1. Jeane adorei o texto...e eu comecei assim no começo do ano passado tracei um objetivo para o ano todo e hoje estou aqui firme e forte com quase 15kg eliminados rsrs agora estou na parte da batata doce afff

    Beijos;)
    * Blog da Pâm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, Pam! 15Kg é muita coisa! parabéns!

      Eu não vou chegar na fase da batata doce, porque odeio batata doce! rsrsrsrsrsrs

      Beijos!

      Excluir
  2. Comecei assim tbm, mas ainda estou caminhando e cambaleando. Só não podemos desistir.

    bjooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruna, não desista! Se cair, levante e recomece! Estamos juntas nessa luta!

      Beijo!

      Excluir
  3. Eu pensei que ia dar romance, tipo filme de comédia romântica sabe???

    haha

    Adorei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrsrsrsrsrsrsrsrsrs ai ai Pam, Vou pensar mais a respeito para a próxima crônica!

      Beijo!

      Excluir
  4. Je, muito bom este texto ! Amei, amei! Você é muito talentosa! Irá escrever um livro, um dia! Sou sua fã número 01 =)
    Beijoooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ca! Mas nunca se esqueça que tomei gosto por escrever bem, porque aprendi com você! Se você é minha fã, você é minhas musa inspiradora!!!!

      Beijo!

      Excluir

Assim fica fácil comer batata doce Aprovadissima :)